ESTUDOS DE ORDENAMENTO E IMPACTE AMBIENTAL

O desenvolvimento de um inventário e caracterização completos do património - seja ele arqueológico, arquitectónico ou etnográfico - constitui um instrumento precioso para o planeamento e gestão do território e para o desenvolvimento de projectos em que os valores patrimoniais, mais do que preservados, se assumem como um capital de desenvolvimento.

Os instrumentos para a realização dos estudos patrimoniais incluem a  pesquisa bibliográfica e documental, a análise da cartografia e da toponímia, a prospecção do terreno, a recolha de testemunhos orais, a

  • Estudos Prévios

  • Caracterização de Situação de Referência

  • Estudos de Impacte Ambiental

  • Cartas Arqueológicas

  • PDM

análise de conjuntos edificados à luz dos princípios de arqueologia da arquitectura, a realização de bons registos gráficos e fotográficos e o recurso a sistemas de referenciação geográfica.

De um trabalho interdisciplinar - de arqueólogos, historiadores, arquitectos, desenhadores e fotógrafos - surgem estudos exaustivos em que o objectivo principal é sempre a preservação do património, a par da sua rentabilização como instrumento de desenvolvimento.

ARQUEOLOGIA E PATRIMONIO LOGOTIPO
ESTUDOS PATRIMONIAIS